Publicações

Psicodrama e Psicoterapia

Alfredo Correia Soeiro (1995) – Nesta edição revisada o autor desenvolve as várias maneiras através das quais o Psicodrama pode atuar no tratamento de psicopatologias.

Pedagogia Psicodramática e Educação Consciente

Maria Alicia Romaña (2012) – A Pedagogia Psicodramática é seu legado ao século XXI. Trata-se de uma proposta pedagógica construida ao longo de mais de meio século por uma educadora, que fala de educação a partir do contato com o chão de escolas. Tradução: Alcione Dias Ribeiro (2019).

MASP 1970 – O Psicodrama

Maria Aparecida Fernandes e Norival Albergaria Cepeda (2010) – Utilizando uma linguagem didática e envolvente, esta obra histórica aborda a chegada do psicodrama ao Brasil e os feitos de pessoas,  apaixonadas por este referencial teórico-prático.

Psicodrama e Relações Étnico-Raciais

Organizado e escrito por Maria Celia Malaquias (2020), preenche a lacuna, da raridade do tema das relações étnicos-raciais no meio psicodramático. Reúne profissionais, como Lucio Guilherme Ferracini que discute o tema do racismo a luz do Jornal Vivo.

Psicodrama: O forro e o avesso

Sergio Perazzo (2010) – Este livro é um sopro de renovação teórica e prática do psicodrama. O forro, o estofo, a base, a fundamentação teórica sólida, o cimento que falta preenchendo as suas lacunas, a integração de Moreno com os autores pós-morenianos. Leiam também a edição atualizada de Descansem em paz, os mortos dentro de mim (2019) do mesmo autor.

O Encontro com a Sustentabilidade – Contribuições do Psicodrama

Organizado por Elisabeth Lorenzetti Bez Chleba e Cristiane Tavares Romano, a obra reúne 14 psicodramatistas que apresentam ideias e exemplos de como é possível promover o despertar de consciências para construir uma sociedade mais sustentável.

A relação educador – educando: Um projeto psicodramático baseado em Morin e Moreno

Rosa Lidia Pontes (2018) – Propõe um novo paradigma educacional, integrando as idéias de ois grandes pensadores que se recusam a fragmentar o ser humano, reduzindo-o apenas à dimensão racional, e acreditam em um futuro para a humanidade e para o planeta calcado no diálogo profícuo entre os seres humanos: Edgar Morin e Jacob Levy Moreno.